Em alta na Copa do Brasil, Bruno Moraes tem posição ameaçada por Grafite em 'time misto'

Em alta na Copa do Brasil, Bruno Moraes tem posição ameaçada por Grafite em 'time misto'

Em 19/07/2016 às 11:04:31

Amparado pela alegação de priorizar a fuga do rebaixamento na Série A, o técnico Milton Mendes já havia sinalizado a possibilidade de voltar a acionar os seus reservas na Copa do Brasil. No entanto, Grafite, titular absoluto do Santa Cruz, pode figurar no time misto que deve ser usado no reencontro com o Vasco da Gama pela terceira fase do “mata-mata” nacional.Suspenso da próxima rodada do Brasileirão depois de ter recebido o terceiro cartão amarelo, o camisa 23, portanto, devolveria Bruno Moraes à reserva nesta quarta-feira, no Arruda. A favor do “General” pesa o fato de ele ser artilheiro e autor de todos os gols do Tricolor no torneio. 

Considerado reserva imediato de Grafite desde o ano passado, Bruno Moraes acabou sendo titular em todas as quatro partidas disputadas pelo Santa Cruz na Copa do Brasil. Em princípio, sempre para “poupar” o veterano de desgaste. Correspondeu. Balançou as redes quatro vezes, com uma média de um gol por jogo, e divide a vice-artilharia com Pitio, do Vasco. O último deles foi no empate em 1 a 1 no confronto de ida, em São Januário. Seria justo sacá-lo da equipe justamente quando ele surfa nesta boa fase? O “General” deixa a difícil missão nas mãos do técnico Milton Mendes.

“Acho que é o Milton quem resolve (quem joga). Ele sempre coloca os melhores do momento. Se ele preferir o Grafite ou me preferir, vai estar pensando em prol do grupo”, falou. O atacante não deixa de celebrar as chances que tem recebido na Copa do Brasil. “Acredito que é a competição que estou mais tendo oportunidade de atuar. Isso, consequentemente, acaba me levando a ter mais oportunidades de gols.” Diz que gosta também desse tipo de campeonato eliminatório. “Acho que em ‘mata-mata’ você joga um algo a mais. Tem que entrar com o coração. Acaba deixando você mais ligado, mais focado na hora de fazer um gol”, avisou.

Novo esquema
Se não quiser interromper a sequência do “General” na Copa do Brasil e também não deixar o ídolo tricolor como mera opção, o técnico coral pode ainda recorrer a um esquema com dois centroavantes. Bruno Moraes e Grafite, é verdade, nunca iniciaram uma partida juntos sob o comando de Milton Mendes. Apenas atuaram em circunstâncias pontuais em jogos que o Tricolor precisava buscar o resultado no segundo tempo. Mas o próprio Moraes não descarta a viabilidade desta formação. “É uma opção, sim. Ele (o treinador) vai se adequar ao momento e aos jogadores para fazer essa escalação. Estamos esperando e aguardando o que ele vai definir.”

Autor: Super Esportes

Comentários