Força-tarefa para reduzir fila do INSS terá 9.500 servidores

Força-tarefa para reduzir fila do INSS terá 9.500 servidores

Em 17/02/2020 às 22:25:36

O contingente de servidores que serão contratados temporariamente para ajudar a reduzir a fila de benefícios do INSS subiu para 9.500. Do total, 8 mil vagas serão destinadas a militares das Forças Armadas e funcionários públicos aposentados. Outras 1.500 serão de aposentados do Instituto.

O edital de convocação deverá ser lançado assim que for editada a medida provisória (MP) que permite o retorno de servidores civis aposentados. Os contratos, por sua vez, terão vigência de um ano, podendo ser prorrogados por mais um.

MAIS SOBRE O ASSUNTO

SERVIDOR
Paralisação de concursos públicos gerou “apagão” no INSS

JUSTIÇA
INSS: processos sobre Previdência crescem 52% em quatro anos
Os termos da proposta foram fechados com a equipe econômica na última sexta-feira (14/02/2020) e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deve assinar a MP até esta quarta-feira (19/02/2020).

O gasto estimado da contratação temporária dos servidores será de cerca de R$ 250 milhões por ano.

O custo extra será compensado com a redução de despesas com pagamento de correção monetária no valor dos benefícios concedidos com atraso, além da maior agilidade na análise de compensação previdenciária do INSS e de processos com suspeitas de irregularidade.

Autor: Metrópoles

Comentários